São dois males, podemos assim entender e suas consequências são irrefutáveis, como aqui e, com os argumentos expostos, tentaremos mostrar...
A humanidade, em algumas regiões deste planeta, já passou por grandes e devastadoras tempestades que foram origem de fortíssimos males e que, portanto, de destruidoras consequências espalharam por onde estiveram ou ainda permanecem.
Esses dois males pontuam com muita enfase no campo politico e na área da medicina, sendo ou estando, até, no primeiro a repercussão na maléfica no segundo.
É sabido que o socialismo, o comunismo já experimentados, aplicados em muitos países, é o prato favorito à destruição de uma nação e de sua sociedade e, útero vital a pari uns poucos privilegiados e seus mais próximos, que sentam na cadeira que o poder lhes oferece e consequentes benesses e, como exemplo, para não se dizer que estamos divagando nas nuvens mirabolantes da idiotice, eis aí a Cuba de Fidel, a Venezuela de Chaves e agora de seu Maduro filhote e, nem preciso ir à Africa e outros países onde a desgraça é total, como na Siria que, logo mais será apenas um escombro total mas, em suas mentes a eternidade no poder é uma necessidade patogênica, mesmo que depois sobrem uns poucos zumbis.
Mas, mesmo com esses gritantes exemplos e fatos reais, ainda há inúmeras cabeças na politica nacional, tentando implantar no Brasil a propriedade coletiva e a doutrina politica e econômica que prega a coletivização dos meios de produção e de distribuição, mediante a supressão da propriedade privada e das classes sociais.
Ou seja, no resumo de tudo, todos serão patrões e nenhum será empregado, ou vice verso, todos serão empregados de todos e assim, nivelaria na mesma linha reta os neurônios de toda uma sociedade e invalidaria a realidade de que os DNA, os carater e as capacidades são diferentes.E se isso não fosse uma verdade, todos seriam ou teriam a capacidade de Stephen Hawking, não haveria mestre e professor.
Usando a lógica e a realidade, desde os primordios da humanidade, é fácil concluir que esse modelo não pode e não dará certo jamais e, tanto é verdade que, a cabeça que chega ao topo do poder não aceita a alernância e sua substituição ou troca e se perpetua no comando e normalmente pela força ou pela lavagem cerebral em massa.
Basta lembrar o projeto de poder do PT e aliados, parido ou gerado no Forum de São Paulo, com o apoio e aval de algumas ditaduras vizinhas.
Como inserir no título, falando de dois males, um é o que acima tentei expor e o outro é a AIDS que, mesmo sendo de amplo conhecimento como ser contaminado ou adquirir o mal e suas consequências, milhares de pessoas ainda cometem os mesmos erros, atitudes ou equívocos de não se prevenirem e tomarem ou usarem medidas capazes de evitar que o mal lhe acometa e por isso as estatísticas de infectados só crescem.
Ou seja, o aidético o soro positivo – ressalvando o contágio acidental – o seguidor ou simpatizante e o eleitor de quem defende a implantação do sistema oposto ao capitalismo, sabem os danos ou consequências de ambos mas, mesmo assim tentam e arriscam-se.
Porém, admitamos hipoteticamente que os partidos da linha do Karl Marx e Friedrich Engels, respectivamente 1818-1883 e 1820-1895, assumam o poder no Brasil e aí, sua primeira medida será alterar o art.1º da CF, onde está dito sermos constituida em Estado Democrático de Direito.
Depois eliminar com os prolongados feriados e, mui especialmente os do carnaval e também, incutir na mentalidade e no inconsciente social que produzir e imprescindível, pois lembram todos são patrões ou todos são empregados de todos.
Considerando ainda, sob hipótese que assim será, sairá da pauta do noticiário, por exemplo, os quilométricos congestionamentos no trânsito em direção a baixada santista ou à região dos lagos no Rio.
Como pode ser visto e concluído, o brasileiro é diferenciado, a malandragem do Moreira da Silva está carimbada, o jeitinho é bem olhado e admirado mas, também condenado e a “Lei de Gerson” é muito praticada.
Por isso acordem adeptos do que não deu certo e nem dará, pois em terra abençoada a boa vontade ainda prevalece e prevalecerá!
Lúcio Reis
Belém do Pará – Brasil em 01/04/2018.


 
Lúcio Reis Views: 7

Código do texto: 327efe1a2b47488c224c93e5c6444f24                  Enviado por: Lúcio Reis em 01/04/2018

Compartilhe este texto com seus amigos   
 
  
  

Copyright © 2018 Todos os direitos reservados. Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

 
Ler Comentários [0]


 Escrever comentário

 
Sobre o autor
Lúcio Reis
Belém, PA, Brasil


 Ver mais textos deste autor