21/03/2018

Poesia e Paz

Manoel Virgílio


No Dia Mundial da Poesia

pedimos para o mundo, harmonia!

Que cessem violências e todas guerras

que a paz seja eterna sobre a Terra.


Que sejam mais unidas as nações.

Poupemos aos humildes provações,

porque sempre é o povo o mais sofrido

e, pelas guerras, é mais atingido.


Oremos para Deus com humildade

que luz dê a esses homens malfazejos

p’ra, enfim, que a paz no mundo tenha ensejo.


Poetas pedem paz pra humanidade,

pois guerra e terrorismo trazem dor,

afeto e poesia, muito amor!


 
Manoel Virgílio Views: 30

Código do texto: fbc03cfec9f632ead41f4f3d788c4340                  Enviado por: Manoel Virgílio em 21/03/2018

Compartilhe este texto com seus amigos   
 
  
  

Copyright © 2018 Todos os direitos reservados. Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

 
Ler Comentários [0]


 Escrever comentário

 
Sobre o autor
Manoel Virgílio
Rio de Janeiro, RJ, Brasil


 Ver mais textos deste autor