O Arco-Íris 


Embora com infinita maestria

lhe explicasse a avó

que ninguém nunca fizera aquilo,

a criança bateu o pé chorou berrou

porque queria levar

o arco-íris pra casa.

Eu pego dum lado, vó,

e você pega do outro!...

Queria-porque-sim. 


Não somos diferentes dessa criança:

também batemos nosso pé adulto

lutando por loucuras irisadas...

LA


 




 


 



 
Laerte Antônio Views: 59

Código do texto: f7e013d38fca7ddcc0889cf22b8333b4                  Enviado por: Laerte Antônio em 27/09/2017

Compartilhe este texto com seus amigos   
 
  
  

Copyright © 2017 Todos os direitos reservados. Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

 
Ler Comentários [0]


 Escrever comentário

 
Sobre o autor
Laerte Antônio
Casa Branca, SP, Brasil


 Ver mais textos deste autor