TROVA GLOSADA 35

 

MOTE

Mulher honesta é um nome,

Que o grande mundo inventou,

Mas um dia veio a fome,

E a honestidade tombou!

(Autor: (?)

 

GLOSA

Mulher honesta é um nome,

Qu merece todo respeito,

Ai d’aquele que a consome,

Com algo que não tenha feito!

 

Talvez seja um ser singular,

Que o grande mundo inventou,

Que todo devemos amar,

Mesmo se um dia pecou!

 

Carece que a isto se some,

Nos meandros de seu fado,

Mas um dia veio a fome,

Que deu um passo mal dado!

 

Quis levantar o melhor seu,

Mas na vida outra coisa rolou,

Que caiu, fraca não s’ergueu,

E a honestidade tombou!

 


 
Nelfoncar Views: 376

Código do texto: 46cfc714cd403eb947fa7dbfad2b1a2f                  Enviado por: Nelfoncar em 02/01/2016

Compartilhe este texto com seus amigos   
 
  
  

Copyright © 2018 Todos os direitos reservados. Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

 
Ler Comentários [0]


 Escrever comentário

 
Sobre o autor
Nelfoncar
amora Portugal, EX, Portugual


 Ver mais textos deste autor