Editt Schimanoski de Jesus


Brotou um grande tumor

Que explode agora...

É a podridão que aflora!

A dor que geme...

A sociedade que teme

Pelo futuro.... Há grande pavor!

 

É uma podridão exposta...

E já cheira muito mal!

É quase estado terminal

O povo está sem rumo

Tudo virou do avesso

Não temos a cura e nem resposta!

 

Escancara um carnegão brotado

Muito feio... Infeccionado

A  pus, já está escorrendo....

Este tumor tem que ser extirpado

Com raiz e tudo ser arrancado...

Só na coragem, sem ser anestesiado!

 

9-6-2017



 
Editt S. de Jesus Views: 135

Código do texto: aefcaf7a81b1af723f5d4f8746d64365                  Enviado por: Editt S. de Jesus em 09/06/2017

Compartilhe este texto com seus amigos   
 
  
  

Copyright © 2018 Todos os direitos reservados. Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

 
Ler Comentários [0]


 Escrever comentário

 
Sobre a autora
Editt S. de Jesus
Agudo, RS, Brasil


 Ver mais textos desta autora