“Seja no que for, só se recebe na medida do que se dá" (Honoré de Balzac). Será que contemplar o fruto da árvore proibida faz feliz quem nunca provou o seu sabor? Porque então Eva pecou e levou Adão a pecar? Foi pela sabedoria ou pelo prazer do sabor? Ou já se sabia ela o que havia de escrever Alexandre Herculano: “O medo é o pior conselheiro”. Então Adão avinhou o futuro como William A Ward: ”O professor medíocre conta, o bom professor explica, o professor superior demonstra.” Todavia, o sonho alimenta vida e ver tanta maravilha dá vida a quem sonha. Vou continuar a contemplar...Abraço a todo o belo.

Preciso de contemplar?! SIM! No contemplar faço a minha forma de escrever e amar. E os sabores que vou criando sustentam a minha paixão... Quero ver esse Pôr-do-sol, o único e deixar-me levar os esses raios de luz, no brilho de um novo nascer! É preciso renascer para poder continuar a criar...

Abraços


 
Angelino Pereira Views: 1664

Código do texto: 962d42d7f5753b6ea29e1786842addbd                  Enviado por: Angelino Pereira em 15/11/2012

Compartilhe este texto com seus amigos   
 
  
  

Copyright © 2018 Todos os direitos reservados. Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

 
Ler Comentários [0]


 Escrever comentário

 
Sobre o autor
Angelino Pereira
Guimarães, EX, Portugal


 Ver mais textos deste autor