Escrevo para te dizer adeus,
Quando fostes embora naquela noite
Fiquei sem os seus
Olhos famintos,
Digo verdade, nao minto!

Agora, num adeus inacabado
venho dizer-te que sinto sua falta
Cansado
Volta, insensata...

Espero-te no mesmo  caminho
Na mesma estrada, no mesmo cantinho...
Nem pense em demorar
Estou desfalecendo de tanto esperar...
Por favor, volte!

 
Desouza Views: 1780

Código do texto: 10ff595cc195457874c37e0fcd653295                  Enviado por: Desouza em 29/09/2012

Compartilhe este texto com seus amigos   
 
  
  

Copyright © 2018 Todos os direitos reservados. Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

 
Ler Comentários [1]


 Escrever comentário

 
Sobre o autor
Desouza
Sao Pedro Da Aldeia, RJ, Brasil


 Ver mais textos deste autor