As paralelas só não se encontram,

dizia Padre Ignácio,

para continuarem solteiras.

LA


O homem e a mulher quase não se entendem

porque seu charme é se desentenderem.

LA


Uma vez um é igual a um,

do mesmo modo que o infinito mais um

é o mesmo infinito.

LA


A verdade não nos fala da beleza

porque a beleza sempre a afirma.

LA


Um rio é alma de mãe que morreu moça

e quer amamentar tudo em redor,

dar de beber a todos que lhe vêm.

LA


Um rio já passou, passa e passará —

é o que mais se parece com a vida.

LA


Aquele que adotar a Deus-Menino

será Seu filho para sempre.

LA


O mundo é a nossa cara e coração,

não gostar dele é a força de mudarmos.

LA


O dia em que homens e mulheres se entenderem

já não terão nem saberão o que fazer.

LA


O amigo te ama e aplaude

até quando lhe sirvas.

LA


O sorriso da vizinha era tão lindo

que seu marido era um baú de ciúmes.

LA


A esperança é como nossa casa,

precisa de reparos e retoques.

LA


Se a coisa não existe, inventa-a!

e já não passas vontade.

LA


A tal “metade da laranja” é uma frescura.

Pega o limão, põe pinga e algum açúcar.

LA


O cara era tão ciumento que, no Facebook,

fez a mulher pôr a foto da sogra.

LA


O Facebook é um tédio tão gostoso,

que até serve de antitédio.

LA


A grande beleza do amor

está em irmos reinventando-o.

LA


Bem lá no fim final

a estrada vira um sorriso azul.

LA


No princípio, no meio e fim é o caos —

sempre à espera de que você o ordene.

LA


Grana é bom, muito bom, é igual amor.

Amor pouco é pecado, é como grana.

LA


Sim, a gente vai tingindo

os cabelos da esperança.

LA


A amizade, se muito íntima,

imbeciliza os dois.

LA


Para a gente crescer

precisa ir e vir — bem solto — por si mesmo.

LA


Se alardeias o teu sonho

ele jamais se realiza.

LA


As coisas ganham sentido

quando você as faz tocar

o coração do universo.

LA


 



 
Laerte Antônio Views: 626

Código do texto: 428826bbc7407b2b9aa60e4f89ad0360                  Enviado por: Laerte Antônio em 20/12/2014

Compartilhe este texto com seus amigos   
 
  
  

Copyright © 2018 Todos os direitos reservados. Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

 
Ler Comentários [0]


 Escrever comentário

 
Sobre o autor
Laerte Antônio
Casa Branca, SP, Brasil


 Ver mais textos deste autor